Anuncie aqui super banner
Capacitação destaca a importância da preservação do Patrimônio Histórico Material e Imaterial
Cultura

Capacitação destaca a importância da preservação do Patrimônio Histórico Material e Imaterial

Capacitação destaca a importância da preservação do Patrimônio Histórico Material e Imaterial

Membros do Conselho de Patrimônio Histórico e Artístico de Uberaba (Conphau), representantes do poder público, historiadores, arquitetos, estudantes e público interessado participaram, quarta-feira (5), de palestras de capacitação sobre a Política de Patrimônio Cultural Material e Imaterial, ministradas por Giselle Ribeiro de Oliveira, promotora de Justiça, e Daniel Felipe Rodrigues Pereira, arquiteto e presidente do Conphau.

O prefeito Paulo Piau, que acompanhou o evento, destacou que Uberaba é uma cidade histórica, e esta característica, pouco explorada, não pode se perder. “Este é um potencial turístico e econômico, e devemos despertar na comunidade a valorização de pilares como o patrimônio histórico, meio ambiente, inovação e tecnologia. Tudo isso são fatores importantes que todos precisam preservar, avançar e colocar à disposição para quem é daqui e para quem é de fora. Isso é turismo”.

De acordo com o presidente do Conphau, Daniel Rodrigues, que é superintendente de Planejamento Urbano da Seplan, as palestras cumpriram o propósito de capacitação. “O que o Conphau e a Prefeitura de Uberaba desejam é viabilizar negócios e oportunidades aliadas à valorização e preservação de nossas riquezas históricas e culturais”.

Traçando um panorama no contexto estadual, a promotora de Justiça Giselle Ribeiro de Oliveira destaca que o Brasil é um país jovem e o caminho de preservação está sendo traçado positivamente, apesar de dificuldades. “Minas Gerais tem uma legislação de incentivo à proteção do Patrimônio Cultural, que é a Lei Robin Hood, que é excelente e pioneira. A exigência de planejamento nos Planos Diretores é um ponto importante nesta proteção e muitos municípios já estão revendo isso. É um caminho longo, mas que está avançando positivamente”.

A promotora cita que, de todas as cidades que possuem conselhos de patrimônio cultural no Brasil, cerca de 90% está em Minas Gerais, mostrando que o estado é avançado nas ações de proteção. “Com o tempo as pessoas estão se conscientizando, e neste sentido é muito importante que as prefeituras trabalhem a questão de educação patrimonial. Trazer este orgulho e memória para que todos reconheçam sua identidade e lutem para preservar esta história”.

O promotor Carlos Valera, que sugeriu a capacitação em parceria com o Conphau, avaliou que uma boa política pública só se faz ouvindo as pessoas envolvidas direta e indiretamente. “É importante avançarmos em eventos dessa natureza, trazendo especialistas da área para oferecer capacitação. A Prefeitura e o Conphau estão de parabéns, pois nós acreditamos neste formato de colocar pessoas que entendem do assunto para dialogar de forma democrática para encontrar os melhores caminhos de proteção ao Patrimônio Histórico e Cultural de Uberaba”.

Cultura

Mais notícias da Categoria Cultura

Frase criativa é tema de ação promocional de Suellen & Francielly

Frase criativa é tema de ação promocional de Suellen & Francielly

Portal Uberaba 12/06/2019
Música, dança e rima marcaram o encerramento da primeira etapa do Estação Juventude 2.0

Música, dança e rima marcaram o encerramento da primeira etapa do Estação Juventude 2.0

Portal Uberaba 11/06/2019
Festas juninas requerem cuidados com a rede elétrica

Festas juninas requerem cuidados com a rede elétrica

Portal Uberaba 11/06/2019
Expedição Piracicaba chega a Ipatinga para evento de encerramento

Expedição Piracicaba chega a Ipatinga para evento de encerramento

Portal Uberaba 05/06/2019
Artesãos do Vale e Norte de Minas vendem mais de R$ 300 mil a seis estados brasileiros

Artesãos do Vale e Norte de Minas vendem mais de R$ 300 mil a seis estados brasileiros

Portal Uberaba 31/05/2019
Gestão compartilhada favorece cadeia produtiva de queijo Minas artesanal

Gestão compartilhada favorece cadeia produtiva de queijo Minas artesanal

Portal Uberaba 31/05/2019