BEM BRASIL
Compras com cartões crescem 14,1% no primeiro trimestre, diz Abecs
Empresarial

Compras com cartões crescem 14,1% no primeiro trimestre, diz Abecs

Compras com cartões crescem 14,1% no primeiro trimestre, diz Abecs

Previsão é que setor de meios eletrônicos feche ano com saldo positivo

Levantamento feito pela Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs) mostrou que as compras pagas com cartões de crédito, débito e pré-pagos cresceram 14,1% no primeiro trimestre de 2020, somando R$ 475,7 bilhões.

O resultado indica uma leve desaceleração ante os semestres anteriores, atribuída ao início de quarentena e isolamento social no país devido à pandemia do covid-19.

Segundo os dados, foram movimentados R$ 297,7 bilhões (+14,1%) com cartões de crédito, R$ 170,8 bilhões (+12,5%) com cartões de débito e R$ 7,1 bilhões (+78,9%) com cartões pré-pagos. Em quantidade, foram ao todo 5,8 bilhões de transações com cartões ao longo do primeiro trimestre, o que representa um crescimento de 15,3%  em relação ao mesmo período do ano passado.

No mês de março, o volume movimentado foi de R$ 148,6 bilhões, 3,4% a mais  do que em março de 2019. Mesmo com alta, esse foi o menor crescimento desde 2007, e as estimativas indicam que os brasileiros deixaram de transacionar cerca de R$ 20 bilhões com cartões no mês.

As transações mais expressivas no início da quarentena foram registradas em serviços básicos, educação e saúde (+35,3%), varejo alimentício (+29,6%) e artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (+21,8%). Na outra ponta, sofreram maior impacto setores como tecidos, vestuário e calçados (-20,5%) e turismo e entretenimento (-17,9%).

Os pagamentos digitais feitos de forma não presencial durante as compras eletrônicas chegaram a R$ 86,7 bilhões no primeiro trimestre, com crescimento de 23,2%. Em março a alta foi de 10,5%. “ A tendência é que esse segmento volte a atingir um patamar mais elevado de crescimento nos meses seguintes dada a manutenção das políticas de isolamento social”, diz a Abecs.

Os pagamentos por aproximação cresceram 456% no primeiro trimestre, movimentando R$ 3,9 bilhões. Em março, já sob os efeitos da quarentena, a alta foi de 385%, com volume de R$ 1,4 bilhão.

Projeção 2020

Segundo a Abecs, mesmo com os efeitos da crise, o setor de meios eletrônicos de pagamento deve encerrar o ano com saldo positivo e transacionar em torno de R$ 1,9 trilhão, com crescimento entre 1% e 3% em comparação com o ano anterior.

Fonte: Agência Brasil – Por Flávia Albuquerque – Repórter

Edição: Maria Claudia

Anuncie aqui super banner
Empresarial

Mais notícias da Categoria Empresarial

Plataforma Mebox já cadastrou 161 lojistas de Uberaba

Plataforma Mebox já cadastrou 161 lojistas de Uberaba

Portal Uberaba 25/06/2020
Aciu retoma reuniões de diretoria e faz balanço de 130 dias de mandato

Aciu retoma reuniões de diretoria e faz balanço de 130 dias de mandato

Portal Uberaba 22/06/2020
Teste rápido de covid-19 para indústria está disponível na Fiemg Regional

Teste rápido de covid-19 para indústria está disponível na Fiemg Regional

Portal Uberaba 22/06/2020
McDonald’s lança campanha para reforçar segurança nos restaurantes

McDonald’s lança campanha para reforçar segurança nos restaurantes

Portal Uberaba 22/06/2020
Associados da Aciu podem reaver tributos pagos indevidamente por meio de decisão judicial 

Associados da Aciu podem reaver tributos pagos indevidamente por meio de decisão judicial 

Portal Uberaba 18/06/2020
Teletrabalho ganha força como alternativa durante pandemia

Teletrabalho ganha força como alternativa durante pandemia

Portal Uberaba 10/06/2020